Pular para o conteúdo

5 Dúvidas sobre Vírus de Computador e Celular – Perguntas e Respostas

Os vírus de computador e celular representam uma das maiores ameaças para diversos usuários. Esses softwares maliciosos podem comprometer todo o sistema, trazendo diversos prejuízos para quem for afetado.

vírus computador e celular

Seja qual for o aparelho que você utilizada, basta ter acesso à internet para correr o risco de ser afetado por algum tipo de ameaça, isto é, com a conexão à internet, muitos softwares maliciosos se utilizam de inúmeras formas para acessar seu aparelho para danificá-lo ou ter acesso a dados importantes.

Sendo assim, é preciso ter cuidado, não apenas com os sites que você acessa, mas também com os documentos que baixa diretamente da internet.

Para te ajudar a evitar possíveis prejuízos trazidos por esses softwares, trouxemos aqui 5 dúvidas sobre vírus de computador e celular que vão te ajudar a se proteger. Confira!

1- O que são os vírus de computador e celular?

Primeiramente, é preciso entender o que são os vírus de computador e celular para pode ser proteger.

Em resumo, podemos dizer que eles são programas criados para afetar os usuários, que, na maior parte das vezes, são instalados sem seu consentimento.

Além disso, esses programas são desenvolvidos para alterar clandestinamente softwares instalados em seu aparelho, espalhando-se por diversos tipos de arquivos.

De certa forma, eles possuem um comportamento parecido com o vírus biológico, já que se multiplicam, precisam de um hospedeiro e podem ser transmitidos para outros, sempre se escondendo para não serem identificados.

2- O que os vírus de computador e celular podem causar?

vírus em celulares e computadores

Como já dissemos antes, esse tipo de programa é desenvolvido para ser instalado no aparelho do usuário sem seu consentimento.

Mas o que exatamente esse tipo de programa pode causar?

Em geral, os vírus sempre trazem algum efeito negativo para o sistema afetado. Alguns, por exemplo, podem debilitar o desempenho do computador ou celular.

Porém, em alguns casos, o vírus pode acessar dados sigilosos do usuário, como documentos pessoais. O ransomware é um exemplo.

Esse vírus, aliás, é um dos que mais afetam brasileiros, causando diversos prejuízos, como perda de dados importantes e até de valores em dinheiro.

3- Existe diferença entre vírus de computadores e de celular?

A resposta é sim!

Nos computadores, esse tipo de programa é executado em diferentes níveis de segurança, em camadas de atividades.

Dessa forma, a maior parte desses malwares começam a ser executados em camadas mais vulneráveis, espalhando-se para outros arquivos ou aplicativos dessa mesma camada de segurança,

Porém, programas mais agressivos podem burlar a segurança de sistemas mais complexos, causando ainda mais prejuízos.

Enquanto isso, nos aparelhos celulares, a infeção acontece de um modo diferente. Os sistemas – como o Android e iOS -, possuem somente duas camadas atividades:

???? A primeira, com as principais execuções do aparelho e os apps do sistema, e

???? A segunda, onde estão as informações, arquivos e programas baixados.

A primeira, por atuar com o desempenho do aparelho, é mais restrita, portanto, mais segura.

Dessa forma, a ação de um vírus pode ser restrita ao nível mais exposto, atingindo dados dos usuários.

Com isso, os malwares dificilmente terão acesso às funções essenciais do sistema, raramente, tendo acesso às funções vitais do sistema. Porém, ainda existe o risco de comprometimento dessas funções.

4- Como acontecem as infecções?

vírus em dispositivos

Existem diversas formas de um vírus infectar computadores ou celulares. Atualmente, boa parte deles usa do acesso a internet para fazer isso.

Mas existem alguns programas que agem por meio de arquivos maliciosos, com transmissão vis bluetooth, SMS e até mesmo Wi-Fi.

Isto é, seja qual forma o método de recebimento de dados de outro aparelho, existe a possibilidade de sofrer com algum programa danoso.

Além disso, boa parte dos malwares para celulares são encontrados em lojas oficiais de aplicativos, como a Google Play e a App Store.

Com tantas formas de receber um programa malicioso, fica a pergunta: como se prevenir?

5- Como se prevenir?

Em geral, a melhor maneira de se prevenir dos vírus de computadores e celular é utilizando os aparelhos em modo offline.

Porém, como você provavelmente precisa do acesso à internet, seja para lazer ou trabalho, existem outros meios de se proteger:

✔️ A primeira é evitar fazer o download de aplicativos e arquivos nocivos, dos quais você não tem confiança da procedência,

✔️ Evite também abrir mensagens e e-mails de contatos estranhos, fora da sua lista de conhecidos,

✔️ O ideal é manter sempre um antivírus ativo em seu aparelho para garantir que qualquer programa malicioso seja detectado e eliminado.

A respeitos dos antivírus, você pode saber mais sobre como evitar softwares maliciosos e proteger seu computador aqui.

Compartilhe nas suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0